Configurando Acesso a um Storage iSCSI no Debian

  • Você precisará estar com a(s) interface(s) de rede configurada(s) permitindo assim a conexão com o Storage.

Instalando o pacote

root@debian:~# aptitude install open-iscsi

Ajustando o ambiente

Vamos criar um link simbólico dos arquivos de configuração para o diretório de configuração.

root@debian:~# ln -s /etc/{iscsid.conf,initiatorname.iscsi} /etc/iscsi/

Caso você precise alterar alguma configuração no open-iscsi, poderá realizar no arquivo /etc/iscsi/iscsid.conf, porém sua configuração default normalmente é o suficiente para o seu perfeito funcionamento.

E não esqueça de reiniciar o serviço.

root@debian:~# /etc/init.d/open-iscsi stop
root@debian:~# /etc/init.d/open-iscsi start

Detectando o Storage

Primeiramente vamos detectar a target do Storage

root@debian:~# iscsiadm -m discovery -t sendtargets -p 192.168.130.101

E finalmente, reinicie o serviço.

root@debian:~# /etc/init.d/open-iscsi stop
root@debian:~# /etc/init.d/open-iscsi start

Agora precisamos logar no serviço de Storage.

root@debian:~# iscsiadm -m node -T iqn.XXX.... -p 192.168.130.101 -l

Para visualizar as targets disponíveis, use:

root@debian:~# iscsiadm -m node

Para visualizar as sessões disponíveis, use:

root@debian:~# iscsiadm -m session

Acessando os volumes (LUNs)

Olhando o resultado dos logs em /var/log/messages você poderá observar as LUNs sendo detectadas e os devices disponíveis.

root@debian:~# tail -f /var/log/messages

Em seguida, você poderá particionar e formatar os devices detectados a seu gosto.

root@debian:~# fdisk /dev/sdc
root@debian:~# mkfs.ext3 /dev/sdc1

Por fim, é só montar e utilizar.

root@debian:~# mkdir /iscsi
root@debian:~# mount /dev/sdc1 /iscsi

Voltar

linux/artigos/iscsi_config.txt · Última modificação: 13/01/2015 10:44 (edição externa)